Tentando apagar incêndios...

domingo, 19 de junho de 2011

Pois é, mais uma vez um técnico sucumbe aos maus resultados de um time no Brasileirão. A vítima dessa vez foi Cuca, do Cruzeiro.  Depois do empate em 1 a 1 com o América MG, o técnico entregou o cargo. Joel Santana assume o seu lugar no comando do time mineiro.
Mais um capítulo na trajetória de problemas que o Cruzeiro vem enfrentando desde sua eliminação na Libertadores. De grande aposta no primeiro semestre, o time se transformou em decepção.
Segundo a diretoria, Cuca estava seguro no cargo, mas a seqüência de maus resultados causaram um desgaste que tornou sua permanência cada vez mais difícil.
Com a chegada de Joel Santana, há uma esperança que o time consiga se recuperar no campeonato, e mude seu panorama nas próximas rodadas. 
Só o tempo pode dizer se a simples mudança de técnico será suficiente para apagar o incêndio que se abateu no Cruzeiro. Vamos aguardar as próximas rodadas para saber se toda essa má fase foi reduzida à cinzas ou se resta alguma brasa de crise...

3 comentários:

  1. Soraia Martins disse...:

    Para mim o que falta a Cuca é autoconfiança... parece que ele sofre da síndrome do eterno coitadinho. Não basta ser bom técnico, tem que acreditar no potencial do grupo e, principalmente, no seu!

  1. Oi Melina! Começou o troca-troca de treinadores, não é? Com esse bom nome disponível, muitos outros já começam a tremer. Ou não? Abs

  1. Rafael disse...:

    Começam sim. E dizer que o Cuca estava seguro no cargo só pode ser piada!

Postar um comentário